Eu Sou Malala – Malala Yousafzai, Christina Lamb #133

EU_SOU_MALALA_1380910708BTítulo: Eu Sou Malala

Autoras: Malala Yousafzai, Christina Lamb

Ano: 2013

Páginas: 360

Editora: Cia das Letras

Sinopse: Quando o Talibã tomou controle do vale do Swat, uma menina levantou a voz. Malala Yousafzai recusou-se a permanecer em silêncio e lutou pelo seu direito à educação. Mas em 9 de outubro de 2012, uma terça-feira, ela quase pagou o preço com a vida. Malala foi atingida na cabeça por um tiro à queima-roupa dentro do ônibus no qual voltava da escola. Poucos acreditaram que ela sobreviveria.

Mas a recuperação milagrosa de Malala a levou em uma viagem extraordinária de um vale remoto no norte do Paquistão para as salas das Nações Unidas em Nova York. Aos dezesseis anos, ela se tornou um símbolo global de protesto pacífico e a candidata mais jovem da história a receber o Prêmio Nobel da Paz. Eu sou Malala é a história de uma família exilada pelo terrorismo global, da luta pelo direito à educação feminina e dos obstáculos à valorização da mulher em uma sociedade que valoriza filhos homens.

O livro acompanha a infância da garota no Paquistão, os primeiros anos de vida escolar, as asperezas da vida numa região marcada pela desigualdade social, as belezas do deserto e as trevas da vida sob o Talibã. Escrito em parceria com a jornalista britânica Christina Lamb, este livro é uma janela para a singularidade poderosa de uma menina cheia de brio e talento, mas também para um universo religioso e cultural cheio de interdições e particularidades, muitas vezes incompreendido pelo Ocidente.

Sentar numa cadeira, ler meus livros rodeada pelos meus amigos é um direito meu, ela diz numa das últimas passagens do livro. A história de Malala renova a crença na capacidade de uma pessoa de inspirar e modificar o mundo.

NOSSA. É a primeira palavra que me vem a cabeça quando me lembro de cada palavra desse livro. Eu comecei a ler o livro sem pensar muito no que poderia ser, eu lembrava vagamente do sucesso que Malala fez mas na época não procurei entender o porquê.

Então, quando comecei a ler o livro foi algo tão incrível. Aconteceu uma série de mudanças dentro de mim, além de tantas coisas que eu aprendi. Malala é um ser humano INCRÍVEL, uma garota tão inteligente, dedicada e corajosa, acho que nunca antes conheci alguém real assim. Ela sabe se expressar e a história da vida dela flui no livro. A história dela em si, é chocante, pesada e muitas vezes triste como era de se esperar. Eu chorei tanto lendo esse livro, chorei igual a uma criança, eu chorava e chorava.

Mas Malala me ensinou MUITA coisa. Apesar de já saber que em muitos países garotas não tem muitos ou quase nenhum direito, eu nunca tinha presenciado isso tão de perto e ler esse livro foi como um tapa na cara. As coisas são muito piores do que eu imaginava. As garotas sofrem muito nesses países. Malala me ensinou a dar valor a educação que eu recebo aqui no Brasil.  A protagonista me ensinou muito também sobre história, eu nunca soube tanto sobre o Paquistão e sobre o Talibã. E me senti muito ignorante ao perceber que eu também não lembrava nada sobre o caso do Bin Laden, que é mencionado nesse livro.

Mas esse livro não é só tristezas, é alegria também, pois em algumas situações você fica tão feliz por Malala, e nem preciso mencionar a garra dessa garota e sua família.

Eu sou outra pessoa depois dessa leitura. ❤

“Comecei a entender que a caneta e as palavras podem ser muito mais poderosas do que metralhadoras, tanques ou helicópteros. Estávamos aprendendo a lutar. E a perceber como somos poderosos quando nos manifestamos.” – Página 167

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s